sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Conhecer pra falar



Sinceramente chega a dar nojo ligar a TV e assistir o “Bom dia Brasil”, tele Jornal da Rede globo. As críticas feitas durante a semana ao MST pelo comentarista Alexandre Garcia deixam clara o grau de descomprometimento que a emissora tem pelos movimentos sociais.


No programa exibido hoje (27/02) o jornalista disse a seguinte frase: “todos têm direito a ter bens, desde que trabalhem, juntem o seu dinheiro e comprem”. Concordo com o senhor Garcia, porém ele esqueceu de mencionar que os integrantes do MST são TRABALHADORES impossibilitados de exercerem o seu trabalho em virtude de pessoas como o Presidente do senado e Ex-presidente da república José Sarney serem donos de terras que eles não chegaram se quer a conhecer .



O problema da terra no Brasil não é uma questão ressente, muito pelo contrário essa situação vem se arrastando há mais de 500 anos e nada foi feito. O que se ver são poucos possuindo grandes latifúndios enquanto milhões de pais e mães de família, que tiram o seu sustento da terra, não têm onde trabalhar.


Confesso já ter me indignado com algumas ações do MST, pois as informações obtidas por mim sobre o movimento vinham da grande mídia (Globo, Veja...) que ao longo dos 25 anos de luta dos trabalhadores sem terra no país, só teve uma missão: descaracterizar o real sentido das bandeiras levantadas pelos militantes. Para mudar a minha visão procurei me informar por outras fontes além de ter tido a experiência de conhecer um acampamento sem-terra.


Sugiro ao comentarista da Rede Globo Alexandre Garcia que antes de sair chamando TRABALHADORES de VAGABUNDOS ele procure conhecer um pouco mais o movimento e saia um pouco da sua vida burguesa. Depois disso ele pode continuar ou não com a sua opinião, afinal vivemos em uma democracia todos falam o que quiser, mas seria melhor conhecer antes aquilo que é dito.

2 comentários:

Thiago Damião disse...

Sou leigo no assunto, então, depois que me informar emito uma opnião

Laércio Lucas Baryoussef disse...

Os comentários de Sir Alexandre Garcia sobre o MST,comentários aliás, muito preconceituosos, não merecem ser comentados devido à falta de conhecimento, humanismo e justiça social para com os que pouco têm. Desempregados, como ele mesmo chamou, não são criminosos, são vítimas do sistema que esse jornalsita apoia.